25/08/2014

De facto a substância pensante existe (que é a substância subjectiva) mas a substância que cria a pensante é a absoluta, e sem esta prévia percepção absoluta, que é criativa, não há possibilidade da substância pensante existir, porque do nada não se pode criar o todo!

Sem comentários:

Enviar um comentário